Compliance no Segmento da Saúde

Compliance no Segmento da Saúde

No último dia 1º de outubro, o Sócio-Diretor da CódigoConduta.com, Fernando Henrique Zanoni, falou sobre o Compliance no Segmento da Saúde para os membros da Comissão de Direito à Saúde da OAB/PR.

Durante a apresentação, Fernando falou sobre o complexo ambiente institucional e sobre os conflitos de interesses nas relações entre distribuidoras de dispositivos médicos, indústria farmacêutica, operadoras de planos de saúde e prestadores de serviços (clínicas, hospitais e profissionais médicos) e como um robusto e eficiente Sistema de Gestão de Compliance pode ajudar a criar um ecossistema mais íntegro e eficiente.

Zanoni destacou que  os valores globais perdidos por erros e desvios de conduta no segmento da saúde são bilionários e que iniciativas como o QUALIES, do Instituto Ética Saúde, e o Selo Pró-Ética podem ajudar as empresas a monitorar seus Programas de Integridade a partir de requisitos objetivos, facilitando a identificação de pontos de melhoria e não-conformidades. E completou: “Também é necessário destacar os benefícios das empresas do segmento em adotar um Sistema de Gestão de Compliance e Anticorrupção baseado nos requisitos das ISO 19600:2014  e 37001:2017, principalmente em razão da concentração de mercado, que tem levado as empresas a investir em conformidade e integridade visando valorizar o negócio, além de demonstrar eficiência e transparência para potenciais investidores.”

A apresentação foi uma das ações da CódigoConduta.com para disseminar a importância do Compliance para as empresas e os profissionais que atuam no segmento da saúde. Segundo Cynzia Fontana, Sócia-Diretora, “a atuação junto a clientes do segmento por meio da divulgação de boas práticas e a participação em palestras e eventos, além da produção de materiais didáticos e acadêmicos, demonstra o compromisso da CódigoConduta.com em criar um ambiente institucional mais ético.

Os profissionais da CódigoConduta.com têm experiência corporativa consolidada em segmentos altamente regulados como o da saúde, atendendo a demandas de operadoras de planos de saúde, hospitais e distribuidoras de dispositivos médicos.

Compartilhe

0
0
0

Mais conteúdo

CÓDIGOCONDUTA.COM NO LINKEDIN​