#19 Doses de Compliance – Meios de comunicação interna e externa

#19 Doses de Compliance – Meios de comunicação interna e externa

Saber os meios e formas de se comunicar com cada tipo de público da sua organização é primordial. Assim como entender qual assunto deve ser abordado de maneira formal ou informal.

Confira algumas dicas que trouxemos para auxiliar no bom entendimento para cada tipo de comunicado:

Comunicação Interna

     Formal: Memorandos e Atas.

   Informal: Intranet, Jornal interno, e-mail, vídeo institucional, mural informativo, palestras e workshops.

Comunicação Externa

     Formal: Ofícios e Contratos (Cláusula padrão de Compliance).

   Informal: Facebook, Instagram, Twitter, LinkedIn, Youtube e Website.

Utilizar sempre os 4 C’s da Comunicação:

 

Clara: Seja objetivo. Frases com muitas ideias misturadas podem prejudicar a mensagem.

Concisa: Uma mensagem breve e dentro do assunto é o ideal. As pessoas evitam textos longos.

Criativa: Use e abuse da criatividade, afinal, é preciso atrair a atenção para sua informação de alguma forma.

Continua: Não adianta passar a mensagem apenas uma vez, é preciso fixá-la na cabeça do público.

ESG para pequenas empresas, vale a pena?

ESG para pequenas empresas, vale a pena?

Conheça um pouco mais sobre os benefícios que um pequeno negócio pode obter ao adotar as práticas de ESG:

A empresa que busca expandir, será beneficiada ao buscar por apoio do mercado financeiro, já que as boas práticas de ESG serão consideradas por investidores.

Além disso, a conexão com o tema é integral, ou seja, será parte de seus propósitos e princípios corporativos.

Ao prestar serviços para outras organizações maiores, os pequenos negócios poderão ser cobrados a adotar práticas sustentáveis, visto que grandes empresas já têm enraizado esse princípio e procuram se relacionar com empresas que também pensam dessa forma.

Também podemos relacionar as práticas de ESG à uma empresa que respeita as pessoas, o ambiente e que foca na ética e transparência. Isso gera admiração e conquista uma boa reputação no mercado.

Certamente, reduzir riscos e prejuízos financeiros é o ideal para todo negócio. Ao se preocupar com a diminuição dos impactos ambientais, sociais e de governança mostra a maturidade da empresa e seu controle quanto a riscos ao negócio.

Em resumo, toda e qualquer empresa pode e deve adotar boas práticas ESG. 

Se os benefícios sociais e ambientais não forem argumentos fortes o bastante, ainda podemos listar mais alguns outros benefícios ligados ao relacionamento, reputação e crescimento dos pequenos negócios.

Para ter uma empresa atual e competitiva, é necessário atender as expectativas da sociedade atual, sem que seu porte entre em pauta. Isso por quê, os valores organizacionais devem impactar na forma de gestão de todas as organizações. Por isso, é importante compreender os seus impactos ambientais, sociais e de governança, a fim de minimizar seus riscos e melhorar sua relação com a sociedade.